8ª Semana-2015 – GDC-Young

FLEUMÁTICO

 
 

10 ERROS QUE OS JOVENS NÃO PODEM COMETER.

 “Lembre-se do seu Criador nos dias da sua juventude, antes que venham os dias difíceis e antes que se aproximem os anos em que você dirá: “Não tenho satisfação neles”

Eclesiastes 12:1

 
 

10. NÃO TER PARCEIROS DE ORAÇÀO E NEM CONSELHEIROS.

“Enquanto Moisés mantinha as mãos erguidas, os israelitas venciam; quando, porém, as abaixava, os amalequitas venciam. Quando as mãos de Moisés já estavam cansadas, eles pegaram uma pedra e a colocaram debaixo dele, para que nela se assentasse. Arão e Hur mantiveram erguidas as mãos de Moisés, um de cada lado, de modo que as mãos permaneceram firmes até o pôr-do-sol.”(Exodo 17:11-12  
Parceria é uma necessidade do ser humano desde sua criação. As parcerias são muito úteis para vencermos nossas dificuldades. Isto é reconhecido pelos diversos grupos sociais. Governos, empresários, escolas, famílias, igrejas, todos buscam parceiros para vencer os desafios que se apresentam. Quanto mais difícil for o desafio, maior será a necessidade de parceiros.
Manter uma vida de oração é um verdadeiro desafio. Um grande homem de Deus precisou de parceiros que o ajudassem a perseverar durante todo um dia em oração. Êxodo 17.8-13.

Na batalha contra os amalequitas, a vitória de Israel dependia da intercessão de Moisés. A oração não é uma tarefa passiva, é também uma luta, e muitas vezes as pessoas cansam de orar. Era o que acontecia com Moisés. Como ele resolveu este problema? Ele não subiu ao monte só. Levou consigo seu irmão Arão e outro líder chamado Hur (Ex. 24.14). Estes dois homens foram os parceiros de Moisés na intercessão pelo povo. As mãos de Moisés pesaram, eles providenciaram uma pedra para Moisés ficar sentado, e depois cada um agarrou uma das mãos de Moisés, e segurou firme. E assim as mãos de Moisés ficaram firmes (literalmente fiéis, com fé) até o por do sol. E Josué derrotou o exército dos amalequitas.

OBSERVE:
a) Daniel, Ananias, Misael e Azarias eram parceiros de oração. (Dn 2:17,18)

b) Um conselho pode nos livrar do caminho da morte. (Pv 16:25; Pv. 12:15; Pv 27:9).

c) A Bíblia diz que o cordão de três dobras não se quebra com facilidade. (Ec 4)

CONCLUSÃO:

Vivemos dias difíceis. Dias em que todos dizem que eu posso tudo ou tudo posso.
Porém, as mesmas vozes que nos induzem a não ter critérios e que o momento é ser “Life Free”, viver uma vida promíscua e irresponsável, fazem coro, atarraxam e lançam sobre todos, menos sobre eles mesmos a culpa de caminharmos para um caos na família e por conseguinte na sociedade.
Pessoas que se dizem pensadores e sociólogos, chegam ao ponto de classificar como ridículos, manipulados e sem personalidade, aqueles que escolhem ter uma vida com o menor número de erros possíveis e para isso, reconhecem Deus e sua Palavra como Norte de suas vidas.
Lembrem-se! Não precisamos experimentar Crack, para saber que é literalmente UMA DROGA, que destrói e acaba com todos os sonhos de alguém. Não precisamos cometer erros para aprendermos com eles. Por isso, Deus nos deu a oportunidade de sermos Sábios e não apenas Inteligentes. Examinando sua palavra, ouvindo conselhos de outros deixados nela, bem como, do nossos pais, líderes e pastores, o que nos permite, não cometer alguns erros para que não venhamos a sofrer desnecessariamente.

> Cada membro do grupo deverá descrever que importância teve em sua vida esta série de estudos “ 10 ERROS QUE O JOVEM NÃO PODE COMETER”.

 DESAFiiiOOO! “PRO MUNDO TODO VER!…”

Escolham 3 declarações da tarefa acima (Descrever a importância que a série de estudos teve). Depois, entrem no site e insira as 3 declarações escolhidas nos comentários do post referente à lição da 8ª Semana, para que possa ser publicado no site.


Fonte: http://estudos.gospelmais.com.br/10-erros-que-os-jovens-nao-podem-cometer.html
       http://pastoralmir.blogspot.com.br/2007/10/meditao-do-dia-parceria-na-orao.html
Adaptado Por: Pr.Gilberto Luis Cunha.

  1. Thayná
    Thayná03-23-2015

    Sobre a série 10 erros que nós jovens não podemos cometer… Foi muita interessante os temas, pois são assuntos que nunca foram abordados para gente na igreja. Temas do nosso dia-dia, assuntos que talvez nos deixassem constrangidos para serem falados com os nossos pais ou até mesmo outras pessoas mais velhas. Foram conversas extramente importantes para o que estamos vivendo nos dias de hoje, espero que assim como os 10 erros que não podemos cometer ficou gravado em nossos corações assim também seja a Série: Qual é o propósito de sua vida?

Deixe uma resposta